recursos para email responsivo

Ferramentas para o Design de Email Responsivo

Responsive Email Resources Um site com inúmeras referências a ferramentas para o design de email responsivo. No site pode-se obter informação sobre as principais ferramentas para o design, editores de texto e plugins, frameworks e templates, simulação e testes, tutoriais e guias, casos de estudo, etc. Sem dúvida um site a ver, Responsive Email Resources. 

ler mais……

Fazer mailings à prova de erros

10 dicas de HTML para fazer mailings à prova de erros

Já alguma vez apanhou com um balde de água fria ao ver que a sua newsletter, que criou com tanto cuidado no Frontpage, Dreamweaver ou Fireworks, fica toda desformatada no Outlook, Hotmail ou Gmail?

Pois é, bem-vindo ao clube! Fazer HTML para e-mail é diferente de HTML para Web. Por questões de segurança (e alguma birra), os programas e serviços de e-mail só aceitam certo tipo de código HTML. E como cada um lê esse código à sua maneira, a sua newsletter vai provavelmente aparecer mal no Gmail mesmo que consiga pô-la a aparecer perfeitamente no Outlook.

Então o que fazer? Não desespere. Temos 10 dicas para lhe facilitar o trabalho.

Evitar que a sua newsletter caia na pasta de spam dos clientes!

7 dicas para evitar que a sua newsletter caia na pasta de spam dos clientes!

Os filtros de spam são óptimos para evitar correio que nunca pedimos. Mas quando queremos enviar uma newsletter aos nossos clientes, esses filtros podem ser um obstáculo, pois por vezes marcam incorrectamente a nossa newsletter como spam.
Não existe fórmula mágica para evitar que isso aconteça (pois cada filtro tem a sua própria configuração), mas aqui estão 7 dicas para minimizar o problema.

Várias destas dicas aplicam-se melhor (ou até automaticamente) com a ajuda de um sistema de email marketing.
Pessoalmente, uso a plataforma E-goi, que está muito completa, é portuguesa e tem conta de testes gratuita.

Taxa de rejeição em email marketing

Muitos sabem que a taxa de rejeição das ações de email marketing é medida pelo número de pessoas que reagem negativamente quando abordadas por campanhas online.

Parece óbvio, mas mesmo que saibamos o significado, em linhas gerais dessa questão, é preciso ir mais fundo para entender o que esse número representa e como a reação negativa de um destinatário impacta na sua marca.

Se as respostas enviadas pelos destinatários e os pedidos de opt-out forem gerenciados atentamente, sejam por meio das próprias respostas ou de mecanismos automatizados que identificam pedidos de exclusão, já é possível sentir como anda a receptividade da base em relação à imagem da empresa.

Impacto do email marketing numa Marca

Independente do objetivo do seu email marketing, uma coisa é certa: a sua mensagem terá um impacto para a marca e também será impactada pela força que a marca possui.

A força da sua marca é um importante fator na decisão do destinatário de ler ou não a mensagem recebida. Para cada email que chega à caixa de entrada, é dada alguma consideração.

O nome da empresa ou logotipo, quando visualizado pelo leitor, já diz muito sobre a finalidade e a consistência da mensagem. Então, não há dúvida, a marca influencia diretamente no envolvimento do público com suas campanhas de email marketing.